Sonha em começar um negócio online? Agora é o momento ideal


A internet tornou-se num pilar central da sociedade moderna que conta com cerca de 59% da população global como utilizadores ativos. Quebrou barreiras geográficas e encurtou distâncias, resultando em inúmeras vantagens para o surgimento de negócios on-line. A promoção e anúncio de produtos e serviços online pode trazer uma excelente visibilidade à sua marca e permite alcançar pessoas em diversas partes do mundo, oque acabou por resultar na necessidade cada vez maior de empresas com presença física registarem uma presença online para usufruir desses benefícios.


Porque é que devia optar por um negócio online?

  • Aumento de mobile apps: apesar do impacto da crise, os gastos com aplicações para dispositivos móveis deverão dobrar até 2024. Além disso, os downloads chegarão a 183,7 bilhões, ou seja, 9% a mais da previsão feita antes do COVID-19.

  • Aumento de compras online: Amazon esgotou vários artigos durante a pandemia devido ao excesso de procura. 

  • Contacto humano reduzido: As empresas on-line têm autonomia para entregas sem contacto físico! Mudar para um mercado on-line ajuda a economizar recursos, clientes e negócios.

  • Recomendado por especialistas: Especialistas preveem que as categorias, como eletrônica e saúde, tenham um aumento de 91% e 109%.

Atualmente, existem 2.05 mil milhões de compradores online e é estimado que até o ano 2040, 95% das compras ocorrerão através da internet. (Nasdaq) A pandemia que enfrentamos atualmente veio acelerar esta tendência. 

A nova realidade, obrigou muitas empresas a adaptarem-se e a adotar estratégias que permitissem assegurar a continuidade da relação com os seus clientes através de experiências de interação com a marca on-line de novas formas criativas. O comércio eletrónico, os websites e as plataformas digitais tornaram-se num canal essencial para a comunicação com os clientes em qualquer setor, seja um fitness center que oferece aulas on-line ou uma marca de cerveja com um bar virtual.

Consequentemente, resultou num forte aumento nas vendas on-line e um fluxo de novos clientes ao comércio eletrónico. 


Apesar de alguns acreditarem que estas mudanças são apenas temporárias, as pesquisas realizadas a consumidores indicam que a mudança para o comércio eletrónico chegou para ficar maioritariamente devido à sua conveniência e acessibilidade. Um customer survey realizado pela empresa PYMNTS sediada em Boston revela que: “Mais de metade dos consumidores (60%) que mudaram para as compras digitais dizem que não voltarão às suas antigas formas de compra”. 

Neste momento estão a ser examinadas as oportunidades e vulnerabilidades que surgem com esta crise. Se prestar atenção, podemos ver muito mais negócios com orientação digital. Os canais de aquisição on-line estão a crescer à medida que mais empresas mudam para uma estratégia digital num esforço para ultrapassar estes tempos de incerteza.

Se quer ter ideias de negócios em que pode investir online, veja o blog post: Melhores negócios para investir durante uma epidemia!








Comentários
* O e-mail não será publicado no site.